Publicidade

Publicidade

Baixe grátis o livro Senhora, de José de Alencar
abril 30th, 2013

Baixe grátis o livro Senhora, de José de Alencar

> Baixe o livro Senhora, de José de Alencar Alencar usa a narrativa para mostrar a hipocrisia fluminense durante o Segundo Império. Para isso, o autor apresenta o romance entre Aurélia Camargo e Fernando Seixas. A intenção é levar o leitor a refletir sobre a influência do dinheiro nas relações amorosas e, principalmente, nos casamentos … Read more

1
Faça o download grátis do livro O Guarani, de José de Alencar
março 20th, 2013

Faça o download grátis do livro O Guarani, de José de Alencar

> Baixe o livro O Guarani, de José de Alencar A história acontece na primeira metade do século XVII, iniciando-se no ano de 1604. Na primeira parte do livro, o narrador nos apresenta a D. Antônio Mariz, pai da heroína Ceci (Cecília), sendo este um fidalgo português que teria participado na fundação da cidade do … Read more

1
Baixe grátis o livro Lucíola de José de Alencar
fevereiro 26th, 2013

Baixe grátis o livro Lucíola de José de Alencar

> Baixe o livro Lucíola, de José de Alencar Com longas metáforas e seu modo de escrever peculiar, José de Alencar critica o Rio de Janeiro imperial e os costumes da sociedade brasileira. Seus comentários ácidos sobre a sociedade da segunda metade do século XIX renderam ao autor diversas críticas negativas na época. » Mais … Read more

1
Verso e Reverso, de José de Alencar
setembro 21st, 2010

Verso e Reverso, de José de Alencar

Verso e Reverso, de José de Alencar foi lançado em 1857. Na história, a capital imperial brasileira, o Rio de Janeiro, é analisada pelo olhar de um estudante de São Paulo que vai ao Rio passar suas férias.

No
Ubirajara, de José de Alencar
setembro 21st, 2010

Ubirajara, de José de Alencar

Ubirajara é um livro importante no conjunto das obras indianistas de José de Alencar. Também é fundamental no conjunto, completando sua intenção de fazer uma obra panorâmica, que mapeasse o país tanto geográfica quanto cronologicamente. Assim, a história do “senhor da lança” mostra uma terra selvagem, com sua pureza ainda não profanada pela presença do … Read more

No
TIL, de José de Alencar
setembro 21st, 2010

TIL, de José de Alencar

Em Til, o interior paulista é o cenário da narrativa. Segredos antigos, desencontros amorosos e renúncias estão presentes neste destacado romance regionalista, em que José de Alencar documenta o cotidiano numa fazenda paulista do século XIX. Ele retrata os costumes, a linguagem e a vida rural da época. A obra também segue os moldes românticos, … Read more

No
Senhora, de José de Alencar
setembro 21st, 2010

Senhora, de José de Alencar

Senhora foi publicado em 1875 por José de Alencar. O romance pode ser considerado uma das obras primas do autor e uma das principais da literatura brasileira. Seu foco está centrado no casamento burguês e como ele se baseia no interesse financeiro. Pode ser considerado precursor do Realismo.

No
Os sonhos d`Ouro, de José de Alencar
setembro 21st, 2010

Os sonhos d`Ouro, de José de Alencar

Os sonhos d`Ouro foi escrito em 1872. Nessa obra de José de Alencar o dinheiro representa o instrumento que permitiria autonomia de Ricardo e seu casamento com Guida, nos tempos do Segundo Reinado. Entretanto, as barreiras sociais impedem a plena manifestação do amor do jovem bacharel provinciano e Guida, uma moça da corte.

No
O Sertanejo, de José de Alencar
setembro 21st, 2010

O Sertanejo, de José de Alencar

O Sertanejo, romance da fase regionalista (ou sertanista) de José de Alencar, publicado em 1875, põe em cena o interior nordestino do século XVIII, onde se desenrola a trajetória repleta de heroísmo de Arnaldo, vaqueiro cearense, homem do campo, simples, mas bravo lutador que tudo enfrenta por amor e por seus ideais. Os dias e … Read more

No
O que é o casamento, de José de Alencar
setembro 21st, 2010

O que é o casamento, de José de Alencar

O que é o casamento é uma comédia de quatro atos feita em 1861 por José de Alencar. O autor foi jornalista, político, advogado, orador, crítico, cronista, polemista, romancista e dramaturgo brasileiro.

No